Postado em 02 de Abril de 2020 às 09h31

Como dar vermífugo para cães

Cachorros (26)Dicas e Cuidados (34)

A vermifugação do seu cachorro é tão importante quanto a vacinação, pois vermes podem trazer doenças graves para ele e até para seus donos. Por isso, é preciso dar vermífugos para o seu cachorro com frequência, seguindo orientações veterinárias e combatendo os vermes que mais atacam os cães.

Frequência
A primeira vez que o cachorro deve tomar vermífugo é com duas semanas de idade e depois com quatro, oito e doze semanas de idade. Depois, a frequência fica um pouco menor, e o dono deve dar vermífugo uma vez ao mês, aos quatro, cinco e seis meses de idade. Depois disso, o cachorro é considerado um cão adolescente ou adulto, e a vermifugação é feita a cada três meses, mas, com a orientação de um veterinário.

Enquanto seu cachorro for filhote, e ainda estiver amamentando ou junto com a mãe de alguma forma, é bom dar vermífugos também para a mãe, toda vez que o filhote tomar, para que a mãe não passe novos vermes ao filhote depois que ele tomar o vermífugo. Se você não comprou seu cachorro filhote, dê vermífugo a ele assim que comprar ou adotar o animal, e depois, siga as recomendações normais.

Dosagem
A dosagem deve ser resolvida com a orientação do seu veterinário e seguindo as orientações do vermífugo em si. Não tente dar ao seu cachorro o vermífugo sozinho, sem nenhuma orientação.

Aplicação A grande maioria dos vermífugos vêm em forma líquida ou em pílulas, ou seja, por via oral. Quem já tentou dar remédio a um cachorro sabe que não é fácil, mas existem truques que facilitam a aplicação.

Caso seu cachorro seja muito agitado e difícil de lidar, não tente dar o vermífugo sozinho, peça ajuda de alguém para conter o cachorro. Não faça da aplicação uma tortura, também, enquanto estiver segurando o cachorro, faça carinho e converse com ele de forma carinhosa, para que ele não fique mais ansioso.

Caso o vermífugo seja líquido, coloque a dosagem no conta-gotas (se o vermífugo não vier com conta gotas, recomendamos arranjar um ou uma seringa para facilitar), passe o braço delicadamente por debaixo do pescoço do cachorro, fazendo com que a garganta dele fique na dobra do seu braço e coloque o outro braço no meio do cachorro fazendo com que ele fique contra seu corpo. Incline a cabeça do animal para trás, puxe seu lábio inferior fazendo uma pequena bolsa e insira o líquido aos poucos nesse espaço. Espere a dosagem ser totalmente engolida. Para ter certeza que ele vai engolir, massageie sua garganta.

No caso de comprimidos, contenha o cachorro com o mesmo cuidado e carinho, mas para dar o vermífugo, segure a mandíbula superior do cachorro por cima do focinho, pressione os lábios superiores deles com os polegares forçando a boca a ficar aberta, segure o comprimido entre o polegar e o dedo médio e coloque lá no fundo da boca e massageie a garganta para ele engolir o remédio.

Fonte: http://www.portalpets.com.br

Veja também

Cachorros e seu medo de fogos de artificios: o que fazer?16/12/20 Tremedeira, choro, latido e agitação: é de partir o coração ver um cachorro com medo de fogos de artifício! Embora fogos marquem as mais diversas celebrações e encham os olhos com a sua beleza, muitos cães não curtem como a gente. E o que era para ser uma noite agradável, acaba sendo uma tortura para eles – e para nós......
Gatos e sua bola de pelo: saiba como e por que ela se forma08/12/20  Como sabemos, os gatos são animais extremamente limpos. Acontece que, diferente dos cachorros, eles mesmos costumam cuidar da sua higiene ao se lamberem. Para isso, eles contam com uma língua áspera, capaz de remover a poeira e os......
Como tornar a viagem com meu pet mais segura14/12/20 Fazer uma viagem com o pet pode ser uma boa escolha, mas isso vai depender da maneira você vai conduzir esse momento. Estamos falando de um animal que, por mais esperto e treinado que seja, pode apresentar um comportamento inesperado diante de alguma......

Voltar para Blog

Fale conosco!