Postado em 30 de Março às 15h28

3 doenças que pets e humanos têm em comum

Como seres vivos que somos, é natural que animais e pessoas apresentem doenças semelhantes, tendo cada um suas particularidades, como sintomas, diagnóstico, tratamento e recuperação.

Os hábitos de vida influenciam diretamente no bem-estar e na prevenção de doenças, desta maneira é muito importante que, assim como seus donos, os pets também tenham uma alimentação saudável, pratiquem exercícios físicos e façam acompanhamento médico e exames regularmente.

Na sequência, confira 3 doenças que pets e humanos têm em comum!

Epilepsia: gatos e cães podem sofrer dessa condição, sendo mais comum na última espécie. O sinal clínico mais comum é a convulsão e o tratamento é de grande importância e necessidade.

Doenças em tireoide: em cães, é comum o diagnóstico de hipotireoidismo, sendo a intolerância a exercícios por cansaço, o aumento de peso e a sonolência os principais sinais clínicos. Nos gatos, o hipertireoidismo é o mais comum, sendo o emagrecimento progressivo o principal sinal clínico.

Diabetes: com grande taxa em humanos, a diabetes tem acometido os animais também. Em geral, os animais aumentam o consumo da ingestão de água, urinam com mais frequência e perdem peso.

Veja também

Vacina da Raiva tem que tomar!02/04/20 Com uma altíssima taxa de mortalidade, a raiva é uma das zoonoses mais conhecidas, representando um perigo para os patudos e também para humanos. O contágio acontece através da mordida de um animal infectado, não só de cães e gatos, mas também de animais como morcegos, guaxinins e gambás. Apesar de ser muito perigosa, a......
Como resolver o problema da queda de pêlos?02/04/20 Cães e gatos podem apresentar perda de pêlos de forma fisiológica ou como conseqüência das dermatopatias (fungos, bactérias, deficiências nutricionais e disfunções endócrinas que acometem a pele......

Voltar para Blog