Postado em 19 de Julho às 10h00

Vacina da raiva tem que tomar!

Você sabia que a vacina antirrábica é obrigatória para cães e gatos no Brasil?

O motivo é a altíssima taxa de mortalidade, sendo fatal para quase 100% dos casos e representando um grande perigo não só para os patudinhos, mas também para nós, humanos

O contágio acontece através da mordida de um animal infectado, não só de cães e gatos, mas também de animais silvestres, como morcegos, guaxinins e gambás.
A infecção causada pelo vírus transmitido na mordida atinge o sistema nervoso central, causando encefalite, uma inflamação cerebral que evolui rapidamente agravando o caso.

Apesar de ser muito perigosa, a prevenção da raiva é muito simples: a vacinação. Esta é a melhor forma de manter o vírus longe e proteger o seu pet e toda a sua família, além de prevenir que várias outras doenças afetem seu amiguinho.

Cães podem receber a primeira dose da vacina antirrábica a partir dos seis meses de vida, e o reforço da vacina deve ser realizado todos os anos.

Para gatos, o ideal é que a primeira dose seja aplicada uma semana após a terceira dose da V5, e o reforço também deve ser anual.

Vacinar é um ato de amor, não deixe que seu melhor amigo ou até mesmo sua família sofra com doenças que podem ser evitadas com uma atitude tão simples!

A CIAVET possui uma completa estrutura para a vacinação, acompanhamento e agendamento de reforços para seu pet. Conte com a gente para preservar a saúde e bem-estar daqueles que você mais ama!

Entre em contato para agendar a vacinação do seu patudinho.

Veja também

Riscos da pressão alta em pets06/07 A hipertensão arterial sistêmica, mais conhecida como pressão alta, é uma enfermidade silenciosa que também acomete cães e gatos, que pode ser provocada por várias doenças e apresenta graves riscos para a saúde do bichinho. Em pets, a pressão alta geralmente é secundária a alguma afecção sistêmica, sendo comum estar mais relacionada a doenças renais crônicas, hiperadrenocorticismo, hipertiroidismo e diabetes......
Exames de ultrassonografia em pets04/06 Por ser considerado um exame não invasivo, seguro, bastante tolerado pelos bichinhos e raramente requerer sedação ou anestesia para sua realização, o ultrassom é amplamente utilizado na área veterinária para o auxílio do diagnóstico de doenças, bem como a......

Voltar para Blog

Fale conosco!